abril 16, 2009

Desejo e Reparação - Resenha

Mais do que uma impecável produção de época, estamos diante de uma das mais lindas histórias sobre o ser humano e seus sentimentos

Assisti ao filme Desejo e Reparação pela primeira vez de uma forma da qual não me orgulho. Não consegui ir ao cinema na semana de lançamento, então apelei para a ignorância. Mas não consegui captar a mensagem do filme nessa vez. Aliás, não consegui captar nada. Então apareceu uma nova oportunidade, da qual não deixei passar. E desabei em lágrimas.

Brioni Tallis é uma jovem inteligente, que ama escrever. E tudo que vê, é filtrado pela sua mente fantasiosa. No verão de 1935, ainda bem nova, deixa aflorar dentro de si um amor platônico, pelo filho da empregada de sua casa, Robbie Turner, já bem mais velho. Esse por sua vez é apaixonado pela sua irmã, Cecilia. É daí que essa história é contada de maneira clássica, subjetiva, com várias cenas que mostram diversos pontos de vista. Brioni vê coisas, cria uma fantasia imensa, e um vacilo, põe tudo a perder jogando os personagens num caminho sem volta.

O filme introduz um segundo ato torturante. A Segunda Guerra Mundial está em seu auge e o jovem Robbie vê coisas da qual não imaginaria ver jamais. Em uma das mais primorosas cenas que o cinema já nos proporcionou assistir, ele caminha numa praia onde tem marcado o caos da guerra. Sem cortes, ele anda em meio a destruição. São minutos intermináveis e que é impossível não prender a respiração ou se emocionar. O que dizer do coral de soldados? E o beijo cinematográfico no fundo dentro da sala de projeção, onde ele vai parar?

Vencedor na categoria de trilha sonora original no Oscar 2008, o feito não podia ser mais merecido. A trilha grante o principais momentos de dramaticidade e guia a história de forma emocionante e bem editada. Até mesmo o som da máquina de escrever faz parte do belissímo trabalho do compositor Dario Marianelli.

Ainda nesse ato, conhecemos Brione já crescida, e tentando de todas as formas reparar um grave erro que pôs em jogo o destino das duas pessoas da qual ela mais ama. E de todas as formas ela se põe em situações que deseja sentir na pele o que eles poderiam estar passando. Ela mergulha nos bastidores do terror que foi a guerra. Entre feridos e mortos, ela busca limpar sua consciência.

O filme termina com sua última cartada, e o que pode ficar no imaginário das pessoas. Até onde você iria para reparar um grave erro? É possível reparar? É disso que trata a adaptação do romance de
Ian McEwan. E que em seu segundo trabalho, o diretor Joe Wright que fez Orgulho e Preconceito, nos toca e faz lembrar que apesar de sempre estarmos julgando as pessoas, nos coloca no lugar daquele ser humano incapacitado de entender certas coisas, e ao se arrpender, tentar consertar erros.

Elenco de primeira, com destaque a personagem principal Brioni, que é interpretada por três atrizes que mostram muito bem a mudança de caráter da personagem e em nenhum momento deixa a história ficar mal contada.
Keira Knightley como já havia provado, continua sendo a melhor escolha para filmes do gênero, possuindo características particulares incríveis, em um momento romântica e em outro determinada. James McAvoy consegue ser os nossos olhos diante do que é o caos, destruição... Sonhador, injustiçado... apaixonado.

Procurem pela trilha sonora, o livro... Eu já estou me movendo para ler essa bela história, emocionante, envolvente e acima de tudo, de seres humanos. Aqueles que cometem erros, que fazem guerras e muitas vezes se arrependem.

Desejo e Reparação
Atonement
Reino Unido/França, 2007 - 130 min
Romance / Drama / Épico / Guerra
Direção: Joe Wright
Roteiro: Christopher Hampton (baseado em romance de Ian McEwan)
Elenco: Keira Knightley, James McAvoy, Romola Garai, Saoirse Ronan, Vanessa Redgrave

Trailer:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção: Este blog contém conteúdo opinativo, por isso, não serão aceitos comentários depreciativos sobre a opinião do autor. Saiba debater com respeito. Portanto, comentários ofensivos serão apagados. Para saber quando seu comentário for respondido basta "Inscrever-se por e-mail" clicando no link abaixo.