junho 19, 2009

Project Bands>> Hollywood Undead

Conheça a banda que faz um hip hop de qualidade e com estilo, e ainda confira a premiere do novo clipe!


Foram três anos para eles prepararem o albúm de estreia Swan Songs, mas anos que valeram a pena esperar. Composta pelos integrantes de nomes nada convencionais: Charlie Scene, Johnny 3 Tears, J-Dog, Funny Man AKA King Kong, Da Kurlz e Deuce AKA Tha Producer, a banda Hollywood Undead começa a aparecer fora do mercado norte-americano e conquistar novos fãs.

A banda é uma dessas que ficaram conhecidas apartir do site My Space, lugar em que suas música fizeram muito sucesso. Fazendo um som com a mistura do hip hop agressivo com uma pegada pop e regada ao peso do rock, o Hollywood Undead tem um estilo único, mas que levemente lembra os Floobots ou o fracassado projeto de Mike Shinoda integrante do Linkin Park, a banda Fort Minor.

O primeiro albúm da banda estreiou direto no 22º lugar da Billboard em setembro do ano passado, vendendo cerca de 21 mil cópias. É pouco se comparado ao Fort Minor por exemplo, mas a banda tem um estilo que talvez assuste um pouco os já acostumados com hip hop americano, aquele composto por gangsters com suas limosines. Os integrantes do Hollywood Undead usam máscaras, algo que eles dizem para manter o mistério. Infelizmente a atitude acaba parecendo uma cópia barata do grupo Slipknot. Mas eu pelo menos acho legal.

Um diferencial da banda de hip hop, é unir esses vários estilos e ainda acrescentar elementos do power pop, o que está em alta hoje em dia. O grupo já lançou cerca de 4 vídeos, contando com a premiere do novissímo Everywhere I Go. Confira os vídeos:

Nº 5



Undead



Young



Everywhere I Go - Video Premiere




Resenha do albúm Swan Songs: O disco é explosivo. E isso fica perceptível pela vontade de soar agressivo, em todos os sentidos ao analisar a banda, seja nos vídeos, nos gritos, e até mesmo no visual. As letras usam palavrões, falam sobre violência, sexo e a realidade.

É um grito jovem, que ao mesmo tempo fala de festas e bebidas. Mas em meio a isso, temos refrões pegajosos, elementos eletrônicos que deixam o instrumental por vezes até leve demais. Se tirassemos o vocal barulhento, pareceria uma boa música de Kanye West. Mas não é isso que a banda Hollywood Undead quer. Ela busca fazer barulho, que conquistar os jovens rebeldes e que muitas vezes se escondem por trás de máscaras, não como a deles, mas daquela que a sociedade os obriga.

Swan Song
é apara aqueles que buscam um momento de lavar a alma, e por tudo pra fora que o irrita, que o põe pra baixo. Energético, agressivo e de qualidade inquestionável. Mas é claro que temos que dar mérito para Don Gilmore que produziu os dois albúns fenômenos do Linkin Park, Meteora (2003) e Hybrid Theory (2000).

Destaques: a pop No. 5, o hino jovem Young, a dançante This Love, This Hate e o tom politico de Bottle And A Gun.

Mais sobre a banda: My Space e Site Oficial.

2 comentários:

  1. Fracassado Projeto de Mike Shinoda Da onde fracasso so se sua vida for um fracasso --' Fort Minor Rendeu bastante so pq nao ficou muito tempo junto foi um fracasso aff ignorancia e foda em meu filho

    ResponderExcluir
  2. Baseando-se no sucesso do Linkin Park, milhões de cópias vendidas em todo mundo, esperava-se do Fort Minor um grande feito, mas mal passou de 1 milhão de cópias vendidas no mundo inteiro. Estreiando apenas na 51ª posição na Billboard nos EUA. Levando em consideração promoção em massa na TV, rádios e shows, o albúm não despertou interesse aguardado.

    O único single de sucesso nas paradas foi "Where'd You Go", esse conquistando a 4ª posição no HOT 100 da Billboard.

    Você gostar de uma banda e ela ser fracassada, não significa nada. Fort Minor não voltou exatamente por se esperar muita coisa dela, mas nunca atingiu o sucesso esperado. Coloco a culpa no comodismo americano, que só tem olhos para o que já deu certo, como no caso do Linkin Park.

    The Rising Tied é um ótimo albúm, infelizmente não deu certo. Procure se informar mais, ants de me criticar. A banda foi um fracasso - não de crítica, e sim de público.

    ResponderExcluir

Atenção: Este blog contém conteúdo opinativo, por isso, não serão aceitos comentários depreciativos sobre a opinião do autor. Saiba debater com respeito. Portanto, comentários ofensivos serão apagados. Para saber quando seu comentário for respondido basta "Inscrever-se por e-mail" clicando no link abaixo.