setembro 14, 2009

MTV Video Music Awards 2009

Barracos, surpresas e shows marcantes escreveram mais uma página na história da indústria do entretenimento


Desde a chocante apresentação de 2003, em que Madonna lascou um beijo fulminante na Boca da cantora Britney Spears e também - não menos importante, mas, ofuscada pelo close de Justin Timberlake - Christina Aguilera, o VMAs parecia ter dificuldades para atrair a atenção do público nos anos seguintes. Apresentações não tão boas, a queda da estrela Britney e a falta de artistas que chamassem realmente atenção.

Então a festa tentou de tudo, mudar de lugar, apostar no dinamismo e fazer vários testes nesses anos. O retorno triunfal da Britney que traria a festa de novo à mídia foi um fracasso retumbante. No ano passado, a MTV escondeu o VMAs de todos. Pareciam querer economizar. Deram prêmios para a mesma Britney querendo limpar a ficha dela e nada demais aconteceu.

Mas esse ano, o marketing em cima da festa foi maior. Impulsionado pelos vários fenômenos na indústria pop atual, como Beyoncé, Lady GaGa, Taylor Swift, Katy Perry e até Kanye West, parecia ser uma boa aproveitar um ano tão bom e fazer algo grandioso. Então a morte do Rei do Pop deve ter deixado a MTV ainda mais pressionada, afinal é o Michael Jackson. Mas a homenagem ficou ótima. Sem exageros, a contribuição do artista quanto ao modo de fazer videoclipes foi maravilhosa. Janet Jackson uma artista incompreendida, segurou bem toda a performace.

O VMAs desse ano, foi o resultado final de tudo o que já vimos de melhor nos outros anos, dentro de um espetáculo musical. Polêmicas, barracos, surpresas, Britney e polêmicas. Não é a toa que a própria Madonna abriu o show em um discurso emocionante. Alguns cantores ganharam mais pelo respeito que a MTV tem a eles, como o caso do Green Day e Eminem que não andam numa fase tão criativa assim, e outros é difícil saber o por que do prêmio como o rapper T.I. que já fez musicas melhores.

O barraco da noite ficou por conta do Kanye West que em anos anteriores falou mal do VMAs ao vivo, e criticou a postura da MTV de colocar a Britney para abrir o show e não ele. E claro reclamou que não ganhou nenhum prêmio. Desrespeito total e claro a MTV deu um jeitinho de o fazer sumir dessa vez. Taylor Swift é maravilhosa. Não sou muito fã de sua música, mas, não é preciso gostar pra perceber o quanto ela é iluminada e talentosa. Beyoncé não precisa mais de VMAs... Ela já caminha ao nível do Grammy e de Globo de Ouro e quem sabe mais à frente, um Oscar. Atitude incrível dela com a Taylor. Algo marcado na história das premiações.


Quanto aos shows, o aguardado da Lady GaGa foi chocante. A cantora que força a barra nos modelitos extravagantes, infelizmente precisa chocar para sempre ser notada. Diferente de uma Beyoncé, ou Pink que são criativas e boas cantoras. Não que a Lady tenha feito algo ruim. Mas o clima de sangue, não combinou com uma festa tão bonita e pra piorar que começou já com um barraco. Lady GaGa é criativa também, dentro do estilo dela, mas um dia vai cansar essa loucura toda. Enquanto isso as outras vão continuar brilhando. Outros que fizeram bonito foi o dueto Jay Z e a lindíssima Alicia Keys. Lil' Mama oi?

O rock deixou a desejar. O Green Day cantou uma música que ninguém conhecia e foi chato. The All-American Rejects fez uma apresentação pequena demais e o Muse cantou uma música ruim demais, infelizmente a pior de um dos melhores álbuns deles. Faltou Kings of Leon ou até mesmo o Paramore.

Os ganhadores ficaram bem distribuídos e para a felicidade de Kanye West, a Beyoncé foi a maior vencedora ao lado da Lady GaGa:

Melhor Video Feminino
“You Belong With Me” – Taylor Swift
Melhor Video de Rock
“21 Guns” – Green Day
Melhor Video Pop
“Womanizer” – Britney Spears
Melhor Coreografia
“Single Ladies” – Beyonce
Melhor Video Masculino
“Live Your Life” – T.I. & Rihanna
Artista Revelação
Lady Gaga
Video do Ano
“Single Ladies” – Beyonce
Video que Deveria ter ganho um Astronauta de Prata
“Sabotage” – Beastie Boys
Video Revelação
“Lessons Learned” – Matt And Kim
Melhor Direção de Arte
“Paparazzi” – Lady Gaga
Melhor Fotografia
“21 Guns” – Green Day
Melhor Direção
“21 Guns” – Green Day
Melhor Edição
“Single Ladies” – Beyonce
Efeitos Especiais
“Paparazzi” – Lady Gaga
Agora é esperar pelo EMAs. E será que as polêmicas vão ter continuidade?

E pra deixar marcado aqui, a festa ficou ainda mais completa com o emocionante trailer do documentário sobre a turnê This Is It , que nunca chegou a ser realizada pelo Michael Jackson. Confira o trailer:




4 comentários:

  1. corrigindo um erro do autor deste blog...

    TI & Rihanna - Festa no apê aksoksaokasoaksoask

    ResponderExcluir
  2. Adorei o blog, tanto pelo conteúdo tambem por falar de forma bem completa sobre os assuntos, parabéns!

    ResponderExcluir
  3. o show da madonna com a brit e a christina foi em 2003 e nao em 2001 :)

    ResponderExcluir
  4. mto obbrigado Charlie, continue acessando o blog, que em breve vai ter novidades!

    Willow, o blogger tava com a Britney na cabeça e acabaou errando as datas. Valeu por avisar! ^^

    ResponderExcluir

Atenção: Este blog contém conteúdo opinativo, por isso, não serão aceitos comentários depreciativos sobre a opinião do autor. Saiba debater com respeito. Portanto, comentários ofensivos serão apagados. Para saber quando seu comentário for respondido basta "Inscrever-se por e-mail" clicando no link abaixo.