outubro 22, 2010

'Boardwalk Empire', tinha como ser ruim?

Série de época é vislumbrante


Estreou domingo na HBO Brasil o seriado de época Boardwalk Empire. Cercado de expectativas por juntar nomes como Martin Scorsese (diretor de Os Infiltrados, Cassino) e Terence Winter (roteirista de Família Soprano) na produção, o seriado gera ainda mais falatório por ser produzido pela HBO, canal que tem acertado com o público e sendo o mais premiados por diversos anos. Talvez não só o canal em si demonstra essa confiança, mas a tv a cabo americana tem se firmado como a melhor opção de qualidade e, como prova, a ótima Mad Men da AMC. E seguindo o sucesso da série que mostra um escritório de publicidade nos anos 60, Boardwalk Empire - que se passa nos anos 20 - de tão sofisticada, marca a nova safra de séries como a melhor estreia em todos os sentidos.

Visualmente é como se fosse um filme, daqueles que esbanja charme em alguns momentos e em outros fica tão sombria, que realmente transmite a impressão de como a máfia agia no escuridão. Não é necessário comentar os figurinos impecáveis que sem dúvidas influenciaram a indústria atual. Outro ponto forte, além dos bons diálogos e da atmosfera noir, as atuações também não ficam para trás. O protagonista é Enoch "Nucky" Thompson  interpretado por Steve Buscemi, ótimo. Na série, ele é um político de carreira, que vive entre as pessoas mais influentes de Atlantic City e passa o dia buscando fortalecer suas conexões com a classe alta e a noite em cabarés bebendo com mafiosos.

A série começa com Nucky fazendo um discurso para a cidade e apoiando a Lei Seca. Obviamente, ele via isso como um ótima oportunidade de fazer o tráfico de bebidas prosperar em todo país. Com contatos que vinham desde Chicago e Nova York, serviços começaram a brotar e o dinheiro aumentar - junto com o crime organizado. Mafiosos famosos que, realmente existiram, também dão as caras no seriado como Arnold Rothstein (Michael Stuhlbarg), Charles “Lucky” Luciano (Vincent Piazza) e, o mais conhecido, Al Capone (Stephen Graham).

Além de Nucky, outros personagens ganham destaque, como o jovem James "Jimmy" Darmody (Michael Pitt), que é protegido dele, largou a faculdade para servir na Primeira Guerra Mundial e busca o controle de sua vida; Margaret Schroeder (Kelly Macdonald), uma imigrante escocesa que sofre abusos do marido e vai pedir ajuda a Nucky; e o agente Nelson Van Alden (Michael Shannon), que vai ficar na cola do mafioso até provar alguma coisa.


Os dois primeiros episódios conseguem ganhar o telespectador logo de cara, já que outros seriados de época, apresentam uma narrativa mais lenta e aos poucos vão conseguindo conquistar o seu espaço. Com o sucesso, a HBO já renovou o seriado logo depois da exibição do primeiro episódio. Ou seja, é imperdível.

Boardwalk Empire é exibida no Brasil pela HBO, domingos, às 22h.

Veja o trailer:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção: Este blog contém conteúdo opinativo, por isso, não serão aceitos comentários depreciativos sobre a opinião do autor. Saiba debater com respeito. Portanto, comentários ofensivos serão apagados. Para saber quando seu comentário for respondido basta "Inscrever-se por e-mail" clicando no link abaixo.